quarta-feira, 17 de maio de 2017

MotivAção

Você esta satisfeito com a vida que tem, com os relacionamentos e com seu trabalho?  O que falta para melhorar?
Você está satisfeito com sua renda mensal?  O que acha que você poderia fazer para atingir suas independência financeira?
Você utiliza todos os talentos que tem? Você sabe quais são seus talentos, ou você acha que não tem talento para nada? O que está fazendo para desenvolvê-los?
Você acredita que seu parceiro (a) é a pessoa ideal para você, e que ele (a) te incentivam a crescer? Por que você acha que suas relações não deram certo? Você acredita mesmo que só conhecemos alguém depois do casamento?
Você acredita que ciúmes é prova de amor?
Você acha possível ter uma relação conjugal saudável durante muitos anos até a velhice? Você esta satisfeito com sua vida sexual?
Você chegue ter autocontrole diante de situações que lhe perturbam? Por que você acha que explode tanto de raiva e depois de arrepende de ter passado dos limites e exagerado em suas ofensas?
Você se sente seguro? Ou você aprisionado pelos diversos tipos de medo: violência, desemprego, traições, doenças, dívidas, solidão? Você acha mesmo que tudo isso não tem solução?
Até onde você está disposto (a) a ir para encontrar as respostas para suas perguntas?
As respostas são mais simples do que parecem, mas depende de quanto você estes disposto a investir e renunciar para encontrar sua forças interior. Às vezes, tudo que alguém precisa é de alguém que lhe aponte uma direção para que ele mesmo siga sua jornada.
Mas quando se deseja mudanças, são para que as coisas sejam diferentes, e não continuem como sempre foram.
Meu projeto pretende ajudar as pessoas a responderem estas perguntas, pelo menos parte delas. Quanto mais o tempo passa e estas perguntas permanecem sem resposta, mais oportunidades são perdidas e mais o desespero e descrença em uma vida melhor aumenta.
Nossa vida esta repleta de possibilidades perdidas que não mais retornam. E ao mesmo tempo temos um potencial de realizações infinitos, e a chave para acessa-lo chama-se autoconfiança e motivação, duas coisas que a sociedade nos tira desde cedo, assim como aprendemos a perder a esperança de uma vida melhor depois de certa idade.
O que temos que fazer é reencontrar aquela força interior sufocada e perdida em nós mesmos ao longo dos anos, aprendendo a nos aproximar do que nos eleva e nos afastar de tudo que nos derruba.

Nenhum comentário: