Sintomas de hipertireoidismo – Saiba mais!


Sintomas-de-hipertireoidismo1A glândula tireoide é importantíssima para o funcionamento harmônico do organismo. Ela se situa na parte inferior do pescoço, bem perto de onde começa o osso esterno, fica apoiada na traqueia e ao lado da artéria carótida.
Os hormônios liberados pela tireoide são responsáveis por uma série de funções orgânicas. Eles garantem que coração, cérebro e muitos outros órgãos exerçam suas funções adequadamente. A superprodução dos hormônios tireoidianos provoca no organismo um distúrbio – o hipertireoidismo, e produção abaixo da quantidade necessária – o hipotireoidismo.
Portanto o hipertireoidismo é um problema no qual a glândula da tireoide produz hormônios em excesso. A glândula é hiperativa, ou seja, trabalha em excesso. Baseado nos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE-2010), 15% da população sofre de problemas na tireoide, entre eles o hipertireoidismo. Nesse artigo saiba como o excesso de hormônios da tireoide afeta o organismo, veja suas causas e sintomas de hipertireoidismo.

Causas do Hipertireoidismo

A glândula da tireoide é um órgão do sistema endócrino. A glândula produz os hormônios tiroxina e tri-iodotironina, que controlam como cada célula do corpo gasta energia. Esse processo é chamado de metabolismo.
Dessa forma, o hipertireoidismo ocorre quando a tireoide produz grandes quantidades desses hormônios em um período curto (agudo) ou longo (crônico) de tempo. Várias doenças e distúrbios podem causar esse problema, incluindo:
  • Ingestão excessiva de iodo que está presente em comprimidos de alga, expectorantes ou em amiodarona, usada em remédios para arritmia cardíaca
  • Doença de graves (responsável pela maioria dos casos de hipertireoidismo)
  • Inflamação da tireoide (tireoidite) devido a infecções virais ou outros motivos – como a tireoidite após o parto
  • Tumores não cancerígenos da tireoide ou da glândula pituitária
  • A superdosagem de hormônio da tireoide
  • Tumores nos testículos ou ovários.
De um modo geral, possuir parentes com hipertireoidismo é um importante fator de risco para a doença. Mulheres tende a ter mais chances de contrair o problema do que homens. Caso você possua algum parente que tiver sido diagnosticado com hipertireoidismo, converse com um especialista para saber que medidas a se tomadas.Sintomas-de-hipertireoidismo

Sintomas de hipertireoidismo

Os sintomas de hipertireoidismo surgem portanto, quando a glândula tireoide produz os hormônios T3 (tri-iodotironina) e T4 (tiroxina) em excesso. Sendo assim, os sintomas de hipertireoidismo mais apresentados são:
  • Dificuldade de concentração;
  • Cansaço;
  • Evacuações frequentes;
  • Aumento da glândula tireoide que pode deixar o pescoço inchado;
  • Apetite aumentado;
  • Suor excessivo;
  • Nervosismo, ansiedade, inquietação;
  • Menstruação irregular;
  • Emagrecimento sem causa aparente;
  • Aumento de peso ( se torna mais raro acontecer esse sintoma);
  • Pele úmida;
  • Tremedeira nas mãos;
  • Taquicardia;
  • Fraqueza;
  • Queda de cabelo;
  • Insônia;
  • Olhos sobressaltados;
  • A acelerada perda de cálcio dos ossos com aumento do risco de osteoporose e fraturas.

Tratamento para hipertireoidismo

O tratamento para hipertireoidismo pode ser feito através de medicamentos, cirurgia para retirada da tireoide ou radioterapia, que consiste ingestão de cápsulas de iodo radioativo.

Afinal o Hipertireoidismo tem cura?

De modo geral, em alguns casos o hipertireoidismo tem cura e ela pode ser alcançada com medicamentos, que representa cerca de 30% dos casos, ou através da cirurgia ou radioterapia, que destroem a tireoide, que conduzirá ao hipotireoidismo, onde deverá ser tratado com a reposição de T4 por toda vida.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estas são as 9 doenças que uma pessoa pode ter por falta de fazer amor!

10 sintomas que podem indicar o mal de Alzheimer na fase inicial!

Em apenas 10 minutos, você vai estar livre da dor ciática com este maravilhoso método natural!